1.5.17

1º de mal

enquanto houver gente que tem a postura "ignorante" de "Não querer saber"... vai haver sempre um chico-esperto que vai "vender" a sua necessidade de "ter que haver quem mande"!....
enquanto houver uma postura que nega toda a essência, entre os polos do "poder" e do "obedecer", com todas aquelas frases feitas de merda do "fazerem o que quiserem", que nega uma das mais basicas capacidades do ser humano, e que é aquilo que nos "distingue" dos outros animais, que é a "faculdade de pensar" (isto é senso comum.... conheço tanto cãozinho mais inteligente que tanta gente)...
enquanto houverem hierarquias, e iluminados, e pesos na consciencia de "Julgamentos" de cada vez que se discute alguma merda com que não concordamos.... e toda essa nojenta formatação catolica de que somos todos pecadores ou criminosos, onde o pessoal até se esquece daquela merda do "somos todos inocentes até prova em contrario"...
enquanto houverem chicos-espertos, que andam "em guerra" para tentarem impor os seus pontos de vista e com isso conquistarem "territorios".... enquanto houverem coça-micoses, que curtem é tar no trono, a ver a manada a mexer-se ás suas ordens.... enquanto houver necessidade de esquemas manhosos, pouco claros, hipocritas de "liberdades" condicionadas, por hipoteses esquizofrenicas, paranoicas, manipuladoras...
enquanto houver uma mentalidade de "todos" em vez de uma mentalidade de "um colectivo" que se junta por algo comum, por afinidade, porque só alguem mta estupido, é que acha que, se remarmos "todos" (os do colectivo claro!) para o mesmo lado, o "barco" não vai fluir melhor, mesmo que contra a corrente.....
enquanto houver desmarcanços, e desculpinhas da merda, e argumentos manhosos atrás de argumentos manhosos, para se fingir que não é nada disto.... enquanto houverem dogmas e "verdades inquestionaveis" e vergonhas ranhosas plo que se fez, mas se continua a negar... enquanto houver quem lide mal com a responsabilização pessoal plas coisas que se fazem na primeira pessoa, e se continuar a dizer que "a culpa" é sempre do outro.....
enquanto não formos capazes de destruir em nós, a merda de formatações de seculos de filha-da-bofíisse (acho as putas bem mais importantes e respeitosas da vida e da liberdade, que a bofia e a sua opressora liberdade castradora imposta pla violencia das armas)
enquanto não formos capazes de aceitar com naturalidade a "violencia" que a auto-defesa tem (para com os coitadinhos dos "Outros" que coitadinhios, não deviam ser obrigados a levar conosco, porque deviamos ser nós a ceder para lhes agradar (giro.... que este plural, continua a negar todas as diferenças pessoais que naturalmente existem entre as pessoas, e territorios, e necessidades, e partem de um principio de que os calhaus são todos iguais.... puta que pariu esta mentalidade.... pisam calçada portuguesa, e mesmo assim, ainda não conseguiram ver que até ai, ha pedras pretas e brancas, apesar de toda a gente ter jogado aqueles saltinhos "so nas pretas agora...."
enquanto existir este tipo de mentalidadezinhas, PARA MIM, a "liberdade" vai ser uma merda muito semelhante, aquela "Liberdade" que ha/havia(?) á porta de awshwitz, e que nos "ensinava" que "o trabalho liberta"
e JAMAIS disse (como tanta gente costuma dizer e partir do pre-conceito-pre-estabelecido) de que "toda a gente" tem que viver, pensar, aceitar ou o caralho que vos foda tod@s assim!
o que estou a dizer, é a mesma merda que sempre disse, fui atrás, me faz sentido, e que me tou a cagar se "é só para mim" porque a vida, me tem mostrado, que essa tanga pró-deprimente e desmotivante de que não vale a pena irmos atrás do que nos faz sentido, é apenas mais uma ferramentazinha de merda que os "sistemas" tem para nos prenderem a eles!.....
e mais uma vez, meti-me a falar de "um assunto", e puxei para cima da mesa, mais uma data de "condicionantes":....
aquelas merdas que o sistema e as pessoas geralmente não gostam nada, porque @s confronta com uma serie de dogmas, e outras merdas "que não tem nada a ver", especialmente quando se tenta meter umas palazinhas nos olhos das pessoas, para as conduzirem numa direcção conveniente!.....
ate gosto de burros, mas odeio palas nos olhos!
não me faz sentido nenhum o calendario gregoriante, não me faz sentido nenhum os domingos e os feriados, não me faz sentido nenhum o primeiro de maio, enquanto continuarem a existir patrões e escravos!
para mim, a unica maneira de nos libertarmos da merda que nos oprime, é nem sequer permitirmos que essa merda entre nas nossas vidas (ou como o pecado, como ja ta dentro das "Nossas vidas" mesmo antes de termos nascido, teremos que cortar as algemas dessa merda, e não permitir que tanta "sensualidade" opressiva nos volte a seduzir com aquela tanga-pre-fabricada-e-dogmatica do "tem que ser..." tem que ser é o caralho!
é por estas e por outras que me continua a fazer mto mais sentido o pessoal que anda "nu", e despido de pudores e o caralho!.....
mas dizia eu....
não.... "não temos que viver todos assim!"
não... "não estou a proibir ninguem de fazer isto ou aquilo" como é costume o pessoal dizer (mais uma vez, volto a desafiar quem quer que seja, a procurar no que digo, algum tipo de "proibição" imposta por algum tipo de repressão ou lei ou o caralho)
estou a falar da MINHA vida, de auto-gestão, e da liberdade ou não de nos juntarmos ou não, com as pessoas ou em colectivos que nos fazem ou não sentido juntar-nos!....
e sim... tou a falar de hardcore, e sim, tou a falar de individualismo, e sim, tou a falar riots e sim tou a falar de conflictos e de tomadas de consciencia e de merdas que "magoam" ou fazem calos!...
e sim, tou a falar de atirar mãos ás silvas, se for preciso limpar terrenos, e não, não tou a falar da necessidade de se recorrer a industrias quimicas, nem a mão de obra de terceiros, seja plo ordenado-minimo, seja pla violencia libertadora das armas para a manutenção duma paz podre...
tou a falar de faz-tu-mesmo, na primeira pessoa, não em ir comprar merdas á zara ou á bofia que vos pariu, porque se não tamos na moda, ninguem vai querer saber de nós....
e tou-me bem a cagar de alto, para a merda de "argumentos" que o pessoal usa para as chantagens emocionais do "és uma besta, assim ninguem vai gostar de ti!".... até porque a primeira pessoa que sinto que tem que gostar de mim sou eu, e eu sei bem, que se não fizer o que me faz sentido, não vou conseguir respeitar-me e levar-me a serio e daí, até ao confromismo subserviente do costume, com a tanga do "é assim a vida.... tem que ser né?!?!?!?" que me mete tanto asco ouvir constantemente, é um saltinho, quase tão rapido quanto os comerciais na televisao!.....
e tou-me a cagar para "toda a gente!".....
puta que pariu esta mentalidade de grupo cobarde e mesquinha, que faz tanta gente achar que se não pertencer ao gang, vai ser morto por ele....
ya....
e quê?
sou o primeiro a dizer a quem quer que seja, que prefiro ser morto, do que tornar-me escravo!.... continua a ser engraçado perceber que a "Maioria" dos opressores, é tão cobarde, que quando confrontado com a possibilidade de uma morte plo que "deseja", se desmarca cobardemente com o rabinho entre as pernas!.....
ate la, cago nos primeiros de maio, e nos natais, e nos outros feriados de merda todos!.... esta necessidade de merdas "simbolicas" em vez de coisas "essenciais" para o pessoal andar a brincar as coisas aborrece-me demasiado!....
tenho muito mais que fazer, e não é porque alguma entidade superiora me disse!

31.1.17

o problema dos "loops", que nos condicionam a vida, e nos pastoreiam plos prados de cimento e alcatrão, de prisões de alta segurança geridos por nós mesmos, é que são geralmente feitos pla mesma merda de pessoas, que continuam a meter o "still loving you" a tocar na radio, para sociopatas que desejam a morte de tudo o que não seja do seu aglomerado familiar!....
hits tipo "não dá".... ou "amanhã".... ou "mas não confias em mim?", são aqueles mega sucessos, com direitos de autor carissimos, apesar de vendidos como "creative commons".... e o pessoal paga e cala.... "é a vida"....
loops merdosos nunca me fizeram dançar....
e sinceramente, continua a fazer-me mais sentido rebentar ou roubar o PA da "junta" do que ir papar com aquela musica de sala de espera de gabinete pre-depressivo de alguma segurança social, ou centro de emprego pa tótós....
achas mesmo que a puta da musica da junta vai parar de tocar, se otarios como tu la continuarem a ir conformar-se com a merda, e com aquele loop que vos faz sentirem-se parte de uma comunidade?!?!? "o que é que NÓS vamos fazer?!?!?!?" dizem... sabendo de antemão que "nós" nunca iremos fazer nada.....
porque o medo que digam que somos "malucos" como "nós" e os "Nossos" amigos fazemos, de cada vez que alguem se mexe para fazer aquilo que lhe faz sentido.... fala mais forte do que a nossa "vontade"....
engraçado que o pessoal fala de vontades.... mas ainda se borra de medo de assumir que se borrou de medo nas cuecas!.... e num sei..... mas parece-me que quem quer andar em loops de merda, vai a rodopiar plo ralo!...
graças a deus que ja ha etars..... que seria de nós se as tainhas se tornassem iguais a "Nós" por nos comerem?!?!?!?

20.11.16

curtia mesmo perceber, o que é que faz uma serie de gente, nunca ser capaz de evoluir... de deixar de fazer sempre a mesma merda.... de sentir uma necessidade de se enganar como sendo "boazinha" e cheia de "amor" e nem se mancar no seu destilanço de odio nojento, frustrado, hipocrita....

nem me lembro á quantos anos ja não levava com esta merda de criatura....
ainda dei a abébia de a "aceitar" como "amiga".... mas ha merda, que realmente, não dá para se ter por perto.... fartinho de gente consumista.... consumista de energias, consumista de vontades, consumista de drogas de merdas para se sentirem bem...

ha gente que deve viver bastante mal com a sua incapacidade para querer tar bem....
mas que se aguentem á bomboca!.... eu não estou disponivel para ter merda assim por perto!....

ja tinhas "morrido" antes... mas apesar de bronca, e agora parece que católica-esquizofrenica, falando com pseudo espiritos que falam pseudo latins, tas aqui tas-me a querer salvar a alma, e a ler-me a puta da biblia?!....
minha cara..... não ha um unico atomo teu em que eu consiga confiar!....
a tua morte, a acontecer, fosse em que situação fosse, só me iria fazer uma sensação de alivio!....
e não.... não tenho medo que o teu fantasma me venha atormentar, até porque tu nem em vida pareces ter grande capacidade para te encontrares....
uma morte rapida, é toda a felicidade que te desejo!





13.7.16

quero que portugal se foda

eu curto o extremismo.....
aquela cena de se dar um passo á frente....
uma libertação quase zeniana de mandar foder tudo...
um cagar de alto de mandar foder tudo aquilo que não me interessa, e de cagar se é onde está toda a gente.... pa mim, tudo o que tem "toda a gente" ta farto de me mostrar que vai dar merda....
para que é que eu hei de "gostar de futebol", se não gosto?... e fdx... mesmo assim devo ter ido mais vezes ver a bola, la da terra de onde eu era, do que mtos "fanaticos".... por falar nisso... em que divisão tá a equipa de onde moras?  ...
e esta merda da tuga?... do pu-tu-ghalh.... fdx..... que modinha pa coitadinhos.... aposto que conheço mais da "vossa terra" do que a maioria de voces... ate porque mais que tuga. sou é um cigano do caralho... e mesmo assim acho que não conheço nada.... sim... tem mtos sitios bonitos, e alguns desses sitios bonitos, para mim, considerei a minha terra.... minha, porque era ali que estava a viver, a ser, a existir agora.... não é no porto, como já foi, não é no oeste, como ja foi, não é em lisboa como ja foi.... agora, a minha terra é... não em setubal, mas mesmo aqui uma terra, que esta num sitio que alguem convencionou chamar setubal, e meter umas placas, a marcar territorio.... essa merda pa mim bem que podia arder..... terra é onde eu estou. o que trabalho e o que dela saco com isso. uma relação de simbiose, mais do que parasitismo ou dependência.... queres falar de amor?   pois as tantas este é para mim o amor mais puro e selvagem... nada é meu, esta terra nao é minha.... mas o trabalho e amor que eu lhe dedico é. e não o vou vender a nenhum comerciante.... o meu valor ta muito alem da merda do guito. toda a merda que eu sei fazer, faz-me sentir muito mais "grande" do que tuga, europeu, mundial..... toda esta organização social de merda me da asco. sinto isto como os "indios" devem ter sentido, quando chegou á terra deles um filha-da-bofia qualquer com a cumbersa de lhes mostrar o que é bom... e lhes ter fodido tudo..... esta evolução genetica ja me permitu perceber que não da para ir na conversa deste pessoal... quero que se fodam com este pseudo sentido de unidade nacional.... achas que alguma vez quero ser metido na mesma merda de balde de tanta gente de merda que diariamente vejo e sinto ao meu redor, com todo este nojo e hipocrisia e filha-da-bofiisse 24hrs por dia?.... eu quero é que esta gente toda se foda.... que vão po curral, que se matem. que daqui a uns anos apontem o dedo "aos outros" como culpados da merda de atitude que eles proprios nao tiveram ao longo de toda a vida?
eu quero é que portugal se foda......

23.6.16

a Raiva é uma energia!...

a questão energetica domina muitas dos problemas do mundo actual.
desde as guerras.... ás crises, ás necessidades, ás produções, aos monopólios e ás dependências...

o nuclear, como se sabe, é uma energia tão limpa, que ate faz crescer florestas em chernobil, e cria fauna mutante nos atois de bikini.... milhares de anos serão necessarios para fazerem desaparecer os lixos radioactivos dai resultantes....
as hidricas, mutilam paisagens e ecosistemas, e as vezes ate rebentam e arrasam cidades, como á pouco tempo no brasil...
as eolicas.... fazem lindas obras de engenharia na paisagem, que até deve criar aquela sensação de que "ha helices que puxam o país para a frente", mesmo que quem as explora seja de alguma multinacional privada, com apoios publicos....
a solar... até é capaz de ser fixe... secalhar é por isso que já ha estados, como o espanhol, que já começa a punir quem a produz, e deixa de consumir nas empresas dos primos....
...
uma das melhores e mais limpas fontes de energia que me ocorre neste momento, é a energia da RAIVA!...
a raiva que nos leva a destruir e criar alternativas contra o que nos oprime....
a raiva que nos leva a não nos submetermos a parasitas dependentes de nós, e que nos tentam convencer que dependemos deles e acima de tudo, temos que os sustentar acima das nossas possibilidades "Porque é assim"....
e acima de tudo... porque a raiva é uma energia tão limpa, que desaparece, logo que conseguimos eliminar das nossas vidas o que a causa!....

que me perdõem os procrastinadores (ou que venham falar comigo amanhã, que vai ser melhor), mas a raiva, mais que uma energia do futuro, é uma energia do presente!

9.1.15

não sei se sou charlie hebdo



o que não faltam ai é psicos completamente doentes do medo, a desejarem limites á liberdade de expressão, porque pode ofender as "sensibilidades" das outras pessoas, e por isso ja não é "liberdade de expressão"




que propõem meus atrasados mentais? uma "imprensa" que não tenha humor porque pode ofender os cinzentões, mas que não seja cinzentona para não aborrecer o pessoal com humor? e ate onde é que as pessoas podem ser representadas nos merdia?.... as gajas mostrarem cabelo, não da, porque os "muçulmanos" não gostam... usar saias acima do joelho, esta fora de questão, porque os cristãos naõ gostam... gajas usarem calças não dá, porque os amishs não gostam..... ombros?.... naaaaa ja devo ter lido por ai nos comentarios do facebook que alguma gaja era uma vaca por tar a posar e a mostrar os ombros com a camisola descaida......

que vai sobrar? ver a bola? caga nisso! a bola ofende-me, e no meu direito a respeitarem o meu direito a existencia da vossa liberdade de expressão (ou qualquer "lei" assim semelhante que não diz nada de jeito, mas que parece uma cena mto á frente..... acho que é insultuoso o pessoal ver bola nos merdia, em vez de se deslocar ao campo!....
novelas? so se não tiverem cenas lesbicas, ou mto sexys.... nem grandes traições... ai a violencia.... chega... o mundo tá demasiado violento....
programas infantis?!?!?!?! yeah! ren e stimpy 24 horas por dia... mas aposto que a maioria ia ficar "ofendida" e não o ia permitir....

que sobra?
wow... um programa bué á frente em que tu és o protagonista principal!
tas tu na televisão, sentado no sofá, com uma mantinha, a ver-te na televisão, mesmo como tu tas agora a ver a televisão! wow... que emocionante!....
viste agora... mexi a mão direita.... e na televisão tambem mexi.... wow.....

o que era altamente! porque bastava meterem-te uma box qualquer com uma camarazita, e la tas tu a pagar a tv cabo, por uma merda que nem tem cabo, a não ser para ligares á electricidade onde tambem pagas a taxa da radiodifusão......

sim sanhora!... isto é que deve ser um mundo mta lindo o que deve passar na cabeça destes anormais todos!..... sejam os muçulmanos, sejam os sociopatas sedentos de sangue, que mto provavelmente ate tão a comentar e a babar-se de odio contra os "barbudos" porque são todos terroristas, e eu até sou barbudo.....

28.12.14

Seitan.... powerful than god

costumo fazer seitan a partir de farinha de gluten. Normalmente misturo uma dose/taça de farinha com a mesma quantidade de agua (prefiro morna) e amasso bem para ver se não ficam grumos de farinha que fazem umas texturas que me lembram os nervos e não curto....
depois meto a cozer em agua com temperos. costumo meter molho de soja, cebola cortada em 4, alhos, pimenta, ervas... vinho... o que nos apetecer que de o sabor ao seitan. ja cheguei a comer um seitan para umas espetadas que foi apenas cozido em vinho/especiarias, tambem tava mta bom....
os nacos de seitan absorvem a agua da cozedura e temperos e ficam com o sabor e crescem quase para o dobro do tamanho que tinham. se preferires mais compacto, podes embrulhar em gaze, para limitar o crescimento.
eu gosto do seitan logo assim, por mim já nem precisa de ir a outra cozinhadela, embora seja o que normalmente acontece....

tambem podes fazer seitan a partir de farinha de trigo branca, mas so rende ser for para fazer alguma quantidade grandita, que é um processo chatinho e demorado..... não rende para fazer uma refeição.
fazes uma bola semelhante a massa de pão e deixas repousar um bocado.
"Lavas" essa bola em agua limpa e abundante, num alguidar grande. o "lavar" é ir amassando dentro de agua a bola de massa. é basicamente tirar o que não é gluten da mistura, e ficar com o gluten. convem que seja farinha branca, porque se for integral, as "cascas" que ocupam bastante volume na farinha integral, vão desaparecer na "lavagem" e vai restar ainda menos quantidade de gluten no final.
Por curiosidade, para uma bola de massa feita com 10kgs de farinha branca, vai-se ficar com prai uns 3 kgs de gluten.... so para terem noção do que se tira.....
-quando o alguidar tiver com a agua "branca" da lavagem, substituir a agua "suja" por agua limpa e repetir o processo umas 3 ou 4 ou 5 vezes ate achares suficiente a lavagem.... cuidado com o sitio para onde deitam esta agua..... fica uma especie de cola, e cria quando seca uma camada chatinha.... que não deve ser mto fixe deitada nos canos, sem plo menos agua abundante a acompanhar....

quando tiveres a bola de gluten (a textura é semelhante á do seitan de compra (embora ainda não esteja cozido)
vai a cozer em agua, e especiarias a gosto, cebola, alho, molho soja, vinho etc, durante uma meia hora ou mais.... depende um bocado do tamanho dos nacos que se fizerem....
e é muito mais saboroso assim!